Município de Almodôvar

Notícias

Almodôvar volta a ser Autarquia Familiarmente mais Responsável

Almodôvar volta a ser Autarquia Familiarmente mais Responsável

A Câmara Municipal de Almodôvar, não pode deixar de expressar o seu grande contentamento pelo facto de ter sido, pela segunda vez consecutiva, galardoada com o selo de "Autarquia Familiarmente mais Responsável".

Este galardão é atribuído pelo Observatório das Autarquias Familiarmente Responsáveis, organismo que acompanha as melhores práticas em matéria de responsabilidade familiar e avalia as políticas locais.

Entre os aspetos avaliados, foram analisadas as políticas de família dos municípios em dez áreas de atuação: apoio à maternidade e paternidade; apoio às famílias com necessidades especiais; serviços básicos; educação e formação; habitação e urbanismo; transportes; saúde; cultura, desporto, lazer e tempo livre; cooperação, relações institucionais e participação social; e outras iniciativas.

António Bota, presidente da Câmara Municipal de Almodôvar, justifica a atribuição de mais esta distinção, pelo facto de "a autarquia ter vindo ao longo do anterior mandato, e agora no novo, ao encontro das necessidades do concelho, nomeadamente através do aumento da comparticipação do cartão do idoso para 100% nos medicamentos não comparticipados, através do apoio a todos os estudantes do ensino superior com transportes e bolsas de estudo, no incentivo à natalidade, no apoio à execução de pequenas obras e reparações domésticas a famílias carenciadas, no apoio aos nossos seniores da Universidade Sénior, na atribuição de verbas para aquisição de material escolar aos estudantes do ensino básico e secundário, entre outras medidas inseridas no âmbito da Ação Social e naquilo que é o desenvolvimento social do nosso concelho.".

António Bota frisa que  "estimulamos o crescimento social e o desenvolvimento nessa área, por isso, receber esta bandeira pela segunda vez no Município de Almodôvar, é uma conquista de 4 anos de trabalho, e é um agradecimento aos técnicos envolvidos e aos colaboradores da autarquia que se dedicam a 100% a estas causas".